Acabe com a queda de cabelo!

Junte-se a mais de 5.147 leitores que aprenderam a lidar com a queda de cabelo com nossas dicas e em POUCO TEMPO (é grátis)!

Até que ponto a queda de cabelo é normal?

Quem não se preocupa ao pentear os cabelos e ver vários deles presos na escova? O cuidado com a saúde dos fios é muito importante e necessária. Mas até que ponto a queda de cabelo é normal? E quando podemos saber que passou a ser um problema sério?

A queda de cabelo pode ser causada por diversos motivos, como excesso de ferro, doenças, estresse, uso de medicamentos, pós-parto ou herança genética. Também chamada de alopecia androgenética, pode passar de pai para filho e aparece com alterações hormonais, estresse emocional e o avanço da idade. Os homens portadores de calvície possuem, no local do folículo, um aumento do hormônio dihidrotesterona (DHT). Este hormônio faz o cabelo tornar-se cada vez mais fino e cair.

Queda dos fios capilares

É considerada normal a perda de 100 a 120 fios por dia. Há épocas em que o cabelo cai com maior facilidade, principalmente quando os lavamos com água muito quente. Quando os fios começam a cair em maior número, a redução já irá ser notável e é aconselhável a procura de um dermatologista o mais rápido possível.

Os principais sinais de perda capilar se dão em 3 graus. O grau 1 consiste no afinamento do cabelo, geralmente na parte superior da cabeça. O grau 2 se dá no momento em que o cabelo se torna tão fino, que dá para ver o couro cabeludo. No grau 3 os fios ficam finíssimos, frágeis e quebradiços. Neste momento, a calvície já está presente e já não pode mais ser revertida. Apenas com implante capilar, aonde são implantados fios artificiais, feitos de material sintético, no couro cabeludo.

Algumas atitudes ajudam a manter os cabelos sempre saudáveis e bonitos. Uma delas é ter uma alimentação balanceada. A dieta ideal deve ser rica em proteínas e com pouco carboidrato. Para manter os fios belos é indicado comer carnes magras, como peixes, que possuem ação antioxidante e beba bastante água. Outro ponto importante é usar os produtos adequados ao seu tipo de cabelo. Evite usar com muita frequência chapinhas, tinturas, alisamentos e outras químicas que enfraquecem os fios.

Como já foi dito acima, e que vale a pena reforçar: procurar um médico, ao menor sinal de queda excessiva dos cabelos é sempre a melhor escolha. Cuidado com a automedicação e com aqueles produtos que prometem “curas milagrosas”. Se fosse fácil, não existiria uma área da medicina especializada no tratamento contra a queda de cabelo. Fique atento e faça as escolhas adequadas, afinal, a saúde dos seus cabelos depende de você!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 4,00 out of 5)
Loading...
4 Comments

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *