Acabe com a queda de cabelo!

Junte-se a mais de 5.147 leitores que aprenderam a lidar com a queda de cabelo com nossas dicas e em POUCO TEMPO (é grátis)!

Dietas malucas podem causar queda de cabelo?

Se tem uma coisa na vida com a qual todos devemos ter muito cuidado é essa tal de dieta. Afinal, emagrecer a todo custo pode até fazer alguma diferença momentânea, mas os prejuízos para o organismo são diversos e, em alguns casos, irreversíveis.

As dietas chamadas “malucas”, daquelas que o indivíduo não pode comer ou beber determinado alimento ou grupo de alimentos em tantos dias, ou só se pode comer sopa, ou qualquer coisa do tipo, podem até diminuir as medidas durante o tempo em que elas estão em prática – uma vez que a pessoa, não comendo, não terá razões para engordar. Só que é fato: tudo volta depois que a alimentação voltar ao normal.

Isso porque a grande maioria das dietas que vemos por aí são elaboradas sem nenhum critério, ou levando em conta apenas um grupo específico de pessoas, como mulheres, atletas ou crianças, por exemplo. Além do retorno gradativo do peso perdido durante uma dieta maluca é possível ver também pele seca, fraqueza, unhas quebradiças e queda de cabelo excessiva, só para ficar nos sintomas menos densos.

Dietas malucas e queda de cabelo

Dietas malucas e queda de cabelo

Uma das causas mais pungentes da queda de cabelo, inclusive, é justamente a má alimentação. Muitas vezes a pessoa simplesmente não come bem, ou corretamente, e isso acaba prejudicando a saúde dos fios. Mas quando o assunto é “dieta maluca”, aí é batata (sem trocadilho): pode saber que com o peso fácil também vai embora o cabelo e a saúde dos fios.

É muito comum ver os prejuízos desse tipo de empreitada na cabeça, visto que os cabelos também têm a ver com as terminações nervosas e é claro que não tem ninguém que, em sã consciência, não fique nervoso quando está de dieta.

Nesses casos em que a principal causa da queda dos fios é uma dieta mal elaborada é possível reverter a situação muito facilmente. Basta procurar um nutricionista, relatar a queda de cabelo, os hábitos alimentares e esperar por uma nova dieta, dessa vez não maluca, que não só tenha elementos para fazer o indivíduo emagrecer com saúde e precisão, mas também que não comprometa a saúde do corpo ou de suas partes isoladas, dentre elas os cabelos.

É bem mais interessante perder peso a longo prazo e tornar isso algo palpável do que se submeter ao efeito sanfona, já que os cabelos – e muita energia – acabam ficando pelo caminho com as dietas malucas.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *