Acabe com a queda de cabelo!

Junte-se a mais de 5.147 leitores que aprenderam a lidar com a queda de cabelo com nossas dicas e em POUCO TEMPO (é grátis)!

Queda de cabelo feminino. Tudo sobre a queda de cabelo entre as mulheres

Queda de cabelo não é um problema somente dos homens. Muitas mulheres podem apresentar a característica, momentânea ou permanentemente, por vários fatores. Para a grande maioria das causas há tratamento, e muitas vezes é mais fácil do que se imagina. Às vezes uma simples mudança de hábitos pode dar conta do recado.

Uma das causas mais comuns da queda de cabelo feminino é o excesso de química aplicado ao couro cabeludo. As mulheres são as rainhas do salão, fãs de tinturas, apliques, escovas, chapinhas… Muitas vezes nem a hidratação dá conta de segurar a cabeleira no seu devido lugar.

Assim como é fácil de aparecer, esse tipo de queda de cabelo também é fácil de tratar: basta maneirar na química, ajustar os períodos de hidratação e procurar um dermatologista para que ele, como especialista médico no assunto, possa indicar xampus, cremes ou remédios para conter a perda dos fios.

Queda de cabelo entre mulheres

Queda de cabelo entre mulheres

É o dermatologista, inclusive, o responsável por poder receitar qualquer tipo de tratamento, principalmente quando houver uso de medicamentos ou outras químicas envolvidas no processo de recuperação capilar.

A dermatologia é uma especialização médica em pele, cabelo e unhas e são esses profissionais que também podem acenar com outras causas da queda de cabelo feminino, como má nutrição, gravidez ou doenças do organismo.

Dessa forma é possível redirecionar a paciente ao nutricionista, ginecologista ou clínico geral para tratamentos em conjunto.

Uma alimentação desequilibrada também é capaz de contribuir – e muito – para a queda de cabelo entre as mulheres. A falta de algumas vitaminas essenciais acaba enfraquecendo os fios, e isso pode trazer problemas até psicológicos, como a baixa auto estima.

A gravidez também é um aliado da queda capilar por conta do aumento de hormônios no organismo. Nesse caso, geralmente, o problema vai embora assim que a gravidez termina. Entre as doenças do organismo que podem gerar queda de cabelo estão problemas no fígado, por exemplo, já que um fígado irregular pode causar diversos sintomas, entre eles as complicações capilares.

Há também doenças específicas do couro cabeludo e pelos no corpo, como alopecia. Tudo isso deve ser visto antes de se iniciar qualquer tipo de tratamento.

Se você ainda não se deparou com o problema, e nunca quer, a primeira dica é manter a saúde em dia. A segunda é não se entregar de braços abertos a toda e qualquer inovação química que os salões apresentam para cabelos mais lisos, menos volumosos, sem frizz ou qualquer outro tipo de promessa ao cabelo perfeito que toda mulher quer ter.

Cuidar preventivamente dos fios é a melhor forma de evitar a queda de cabelo feminino.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...
3 Comments

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *